Solicite um
Orçamento
Seja um
lojista

Tapetes: 6 dicas para “vestir” sua casa com bom gosto

POR: Celmar

#Categoria / /

Móveis planejados Notícias
Banner Blog

Tapetes: 6 dicas para “vestir” sua casa com bom gosto

Compartilhar

O tapete é um detalhe de aconchego que pode fazer toda a diferença no impacto que você deseja causar com a decoração. Assim, não basta escolher os melhores móveis. Ter critério na aquisição desta peça capaz de “vestir” o ambiente é também essencial.

Independente do seu gosto pessoal, do Kilim ao Hemp, ou do Shaggy ao Caucasiano, existem algumas regras básicas a serem seguidas. Para você não errar, reunimos algumas das principais dicas de especialistas sobre o assunto.

1- Toque final: será mais fácil escolher o modelo ideal se o tapete for um dos últimos itens da sua lista de compras. Assim, aumenta a chance de acertar nas opções de tamanho, cor e formato.

2- Mais que um também pode: sim, dá para ter dois tapetes em um mesmo ambiente e ampliar o conforto. A peça serve inclusive para setorizar os espaços, definindo de forma sutil a separação entre o estar e a sala de jantar, por exemplo. Eles não precisam (ou nem devem) ser iguais, mas cuide para que combinem entre si, escolhendo tons, padrões e texturas que se complementem e harmonizem com a mobília.

3- Cuide da circulação: em locais por onde trafegam crianças ou idosos, principalmente, é importante evitar tropeços e quedas. Um bom truque é utilizar fitas adesivas sob os tapetes, para não deixar que escorreguem ou saiam do lugar.

4- Na sala de jantar, atenção ao formato: observe a forma da mesa, evitando a monotonia da repetição. Sob mesa redonda, opte por tapete quadrado, e vice-versa. Mas se a mesa for retangular, o tapete deve seguir o mesmo formato.

5- Cada fibra uma função: além do seu gosto pessoal, diferentes tipos de fibras cumprem funções diversas. Os mais fofos e altos oferecem calor e aconchego, mas podem não funcionar tão bem em ambientes com crianças e pets. As fibras naturais, como a seda, são mais nobres e se alinham a ambientes mais requintados e íntimos, como o quarto. Fibras sintéticas facilitam a limpeza e têm tudo a ver com o estilo moderno.

6- Não erre no tamanho: se o tapete for pequeno ou grande demais, dará a impressão de um improviso mal feito. Escolha um cujas bordas fiquem pelo menos 15 cm abaixo do sofá, da cama ou de outros móveis que sirvam o espaço. E não cubra todo o piso, pois uma parte dele deve ficar à mostra. Sob a mesa de jantar, a sobra para acomodar as cadeiras deve ter entre 70 cm e 1 metro.

Fontes: VivaDecora, blog Bbel – Um estilo de vida, site Terra

Posts Relacionados